Amores leves

Toca o telefone, ouve minha voz imatura de incertezas cotidianas, do medo das correrias, dos estresses dessa vida e das alegrias consumidas. Tem dias que se acinzentam e logo aparece um caminhar em teu sorriso. Tô aqui por nós e me deixa ouvir tua voz na simplicidade de um dia comum com refeições de pão … Continue lendo Amores leves

Anúncios

Janelas e Passarinhos

Olar, o poema de hoje é da época da faculdade e por essa razão é recheado de intertextualidade! Carbonera era o Ildo Carbonera, professor de Literatura da Unioeste Foz que me nos enriqueceu com muito, mas muito conhecimento! Certo? A linda da Maria Julia Martins empresta a voz pro poema nascer...   Passarinho Eu já … Continue lendo Janelas e Passarinhos

5 Motivos para sentir saudades do Verão!

Hoje é o primeiro dia do Outono, as folhas já estão caindo, o horário de verão já foi e o que nos resta?! Saudades das temperaturas quantíssimas? Todo aquele calor que faz a gente acreditar que está derretendo não deixaria saudades... Mas algumas coisas são como amores de verão, deixam uma marca, um gostinho de … Continue lendo 5 Motivos para sentir saudades do Verão!

Não diminua ninguém

Esses tempos modernos me deixam pensativa, como, e pergunto isso da maneira mais educada possível, como em pleno século XXI, vivemos na era de desmerecer e desrespeitar o outro? Infelizmente meus queridos, não estamos livres de sofrer olhares desaprovadores. Mesmo num mundo com tantas pluralidades, ainda convivemos com uma sociedade conservadora e muito má. Falar … Continue lendo Não diminua ninguém

Baunilha

A prateleira de condimentos. Você está parado em frente a prateleira de condimentos segurando essência de baunilha. Baunilha, era o cheiro do cabelo dela. As memórias estão saltando das profundezas dos seus pensamentos. Lembranças da suavidade dos fios que nunca davam nós, o cheiro de baunilha no travesseiro, as longas cascatas suaves, adocicadas e negras, … Continue lendo Baunilha