Apenas mais uma carta de amor

Porque me olhas desse jeito? Com paixão, prazer, medo. Fico confusa com seus lábios tocando os meus. Me pergunto, isso tudo é para eu mesmo?

Porque me olhas assim? Como se eu fosse para uma guerra e você jamais poderá me afagar novamente. Me abraças como se fosse me perder. Me acaricia com mãos de ternura e desejo.

Porque tudo não pode ser mais fácil. Sua boca clama por meu nome, todo o tempo, todo momento. Seus lábios só dizem o quanto me ama, seu coração bate mais forte ao meu encontro.

Então por que ter medo? De uma paixão que talvez não dure, ou de um amor que pode durar uma vida inteira? Ter medo do quê,  se ambos já dissemos em meio aos lençóis o quanto tudo isto é importante. E que nada faz diferença, nada pode nos afastar, nada pode acabar.

Nada é mais grandioso do que nossos sorrisos em meio as tristezas. Nada é maior que nossos votos de que o para sempre acontece em todos nossos encontros. Nada é maior que a promessa de amar enquanto é tempo.

Então porque me olhas assim? Não me deixe confusa, apenas me ame, me deseje loucamente, me conte seus medos. Eu faço eles desaparecem com apenas um carinho. Eu faço eles desaparecem com apenas meu nome em seus pensamentos. Eu faço eles desaparecem com a minha lembrança crescente em sua mente.

Não me percas se me desejas. Não tenhas medo. A qualquer tempo, sempre meu, sempre nosso.

abraco

Anúncios

2 comentários em “Apenas mais uma carta de amor

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s