Não tenho hora pra voltar!

Este é um conto que nada tem haver com a realidade. Qualquer semelhança, é mera coincidência. P.S.: esta não é uma história de amor.

Como o tempo foi cruel com nossas vidas. Meses atrás ainda pensava num futuro sublime ao seu lado. Revivia os momentos dos nossos encontros toda vez antes de dormir. Ficava feliz lembrando da felicidade que tinha, mesmo que de a cada 3 encontros apenas 1 era tudo lindo.

Sim meu amigo, o tempo passou e jogou fora todas aquelas fotos, promessas, cartas de amor, jogou fora os sentimentos que ali rolava, até mesmo aquelas canecas não duraram o tempo suficiente para poder continuar essa história.

As vidas continuam, o engraçado é ver que com os novos meses a minha vida mudou, mas olho pra você e vejo o mesmo que conheci. Tem apenas algumas diferenças, alguns cabelos brancos, uma televisão nova, um novo período na faculdade. Mas nada é novo. Até a voz soa familiar como nas gravações que você fazia toda vez que me ligava.

Pois é, um pouco estranho dizer isso, mas vejo tudo em minha volta e lembro das palavras que disse a você em um momento de fúria: “você vai olhar no seu quarto e lembrar de mim em cada metro quadrado, vai pensar em mim quando olhar seu chão sem aquelas embalagens de chocolate espalhados, vai olhar o canto direito da cama (aquele ao lado da parede) e ver que está em ordem, sem eu deitada nos lençóis desarrumados graças a uma moça desorganizada”.

Como dizem, dito e feito, hoje sei o quanto pensa em mim, o quanto gostaria de ser o amor da minha vida, o quanto gostaria de ouvir sussurrar te amo em seu ouvido. Um dia amei todo esse ser complexo que você é, já sussurrei, sem muito êxito, palavras meia boca de amor, já cozinhei com receitas da internet para fazer aquele agrado no b-day.

Olho minhas coisas e me recordo como eu era feliz e solitária naqueles tempos modernos em sua vida. Como me esforçava para arrancar um olhar de aprovação, mesmo sabendo que nunca precisei de nada disso.

Nossas retomadas de “amor” só nos provaram que eu + você é algo que nunca deveria ter existido, acontecido, homologado em cartório. Somos um desastre ambulante, defeitos iguais, atitudes iguais, somos tão iguais que até mesmo a maneira de dizer “e aí beleza” é algo familiar.

Quem diz que hoje isso vai dar certo? A resposta é que jamais podemos fazer dar certo, tivemos quase dois anos para provar que isso é algo impossível, uma equação sem um resultado aparente.

Não me arrependo dessa minha nova vida, apenas de ter sido tão bobinha para levar aquele relacionamento adiante. Hoje olho pra você, da porta do seu quarto, seus olhos como aqueles cachorros abandonados, me pedindo para ficar, mas sem ao menos se dar ao trabalho de se levantar da cama e me puxar para seu peito. Apenas digo a você: “Não tenho hora pra voltar!”

Anúncios

7 comentários em “Não tenho hora pra voltar!

  1. uhhh, baixar a bola de vez em qndo seria legal!!!, vc somente falou o qnto ele fudeu sua vida, mas nao mencionou o do pq que vc ficou tanto tempo com ele, e pq ele tomou essa decisao de terminar com vc. ja ouviu aquele ditado de que nada tao ruim que possa piorar. as vezes se voce tivesse feito algo para tentar melhorar essas condicoes, esse texto poderia ser com outro tiutlo, tipo: ´´2 anos e ainda somos felizes“

    1. kkkkkkkkk, gostei da sua opinião Senhor Sincero, mas este texto é apenas um conto, esta história nunca aconteceu, ao menos não comigo. Com certeza outras pessoas viveram alguma experiência parecida e poderiam compartilhá-las com a gente, e com certeza elas poderiam fazer um título para o romance delas assim como você deu a dica.

      1. valeu pela resposta, mas te contra digo o seguinte, essa historia pode nao ter acontecido com a escritora luana, mas com a imensa quantidade de sentimentos existente, faz me acreditar que isso foi uma historia baseada em fatos reais (digo pessoais), a grande pergunta é porque terminiou uma relação tao boa assim.

        1. Você já leu algum romance, alguma novela? Mesmo que seja Crepúsculo? Nós escritores temos todo um dicionário para usar dentro de um texto. Eu como escritora devo utilizar desses recursos para fazer um bom texto. Fico feliz que ele tenha transparecido algum sentimento, pois o objetivo é que meus leitores sintam algo quando leem. A respeito da minha vida pessoal deixo apenas um () em aberto.

            1. hahaha Senhor Sincero porque não para de utilizar um fake e se apresenta para nós, deve ter tanta coisa para compartilhar. Amores não recíprocos, deve saber tanto da minha vida que não sabe da missa a metade. Quando tiver a certeza de algo e parar de ser covarde se escondendo através de pseudos profiles, podemos ter uma conversa mais aprofundada.

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s