A menina que roubava livros: Comentando sobre o filme

Quem já leu o livro A Menina que Roubava Livros, escrito por Markus Zusak sabe como essa história pode fazer você rir e chorar, com tantos momentos marcantes que se passam durante a vida dessa garota tão corajosa.

the-book-thief-1

Para aqueles que não leram o livro (tipo eu), mas já sabem mais ou menos do que se trata o enredo, essa adaptação para o cinema dirigida por Brian Percival mostra de forma incrível toda a magia dessa menina chamada Liesel.

A história em sí é contada por nada mais, nada menos, que a morte. Sim, e como no próprio livro diz, “quando a morte nos conta uma história, você deve parar para ler”, então senta que lá vem história.

Liesel (Sophie Nélisse, atriz canadense) e seu irmão mais novo estavam a caminho de uma nova família na cidade de Molching. A mãe dos dois era comunista, e para salvar seus filhos, abriu mão da guarda deles para que fossem adotados por um casal de idosos nazistas, Hans e Rosa (Geoffrey Rush e Emily Watson). Infelizmente, seu irmão não teve tanta “sorte” e faleceu nos braços de sua mãe durante a viagem. Foi então que Liesel roubou seu primeiro livro, o Livro do Coveiro.

the-book-thief08
Essa é Liesel roubando seu segundo livro. Os nazistas queimaram livros que não estavam de acordo com o regimento, e quando a menina viu que um dos livros não havia queimado, aproveitou pra passar a mão.

O que chama a atenção é que a menina não sabia ler. Mas isso mudou logo após ela ser recebida por seus novos pais. Hans, um homem bom e paciente, leu o livro de Liesel com ela, e além de ensinar ela a ler, fez um quadro negro no porão para que ela praticasse sua escrita. Enquanto isso, sua nova mãe era muito fria e rígida com ela.

No primeiro dia de aula, Rudy (Nico Liersch) se mostra o melhor amigo que uma garota poderia ter. A amizade dos dois é muito forte, e mesmo quando Liesel precisa manter algo em segredo, Rudy descobre, mas como um grande e bom amigo, promete que aquele segredo está seguro com ele. (Awn <3)

feature-sophie-nelisse-nico-liersch-book-thief

Este segredo é algo que mexeu muito com os sentimentos de Liesel, e o nome deste segredo é Max (Ben Schnetzer). Um judeu, que seus pais tiveram de esconder em casa devido a uma dívida com a família de Max. Enquanto o foragido passava seu tempo escondido na casa, a menina passou a ficar amiga dele, lia para ele, trazia informações detalhadas e tão originais de como estava o tempo lá fora que deixavam Max impressionado com tanto talento.

Foi assim que Max decide dar a ela um livro seu. Mas antes disso, deixou o livro todo em branco, e disse para a menina que escrevesse sua própria história, e foi o que ela fez.

O filme traz muita carga histórica de um momento trágico que foi o nazismo e a segunda guerra mundial. As cenas mais memoráveis são: Rudy pulando na água congelante pra resgatar o livro de Liesel; A leitura da menina para Max quando ele estava desacordado; O momento em que Liesel começa a contar uma história durante um ataque aéreo, onde todos do vilarejo estavam escondidos num porão para não sofrerem o ataque.

TheBookThief

Deixo aqui esse gostinho de quero mais pra vocês, e espero que gostem tanto do filme quanto eu gostei. Uma história tão linda e trágica, interpretada por atores muito bons, e dirigida de forma certa, faz qualquer um se emocionar e amar essa garota que roubava livros. ♥

(OBS: quando assistirem o filme, vão ouvir muito a palavra “saumensch”, que em alemão, significa porco. mas acredito que não seja algo ofensivo como chamar alguém de porco aqui no Brasil, porque eles utilizam a palavra quase sempre!  :P)

XOXO.

Anúncios

5 comentários em “A menina que roubava livros: Comentando sobre o filme

  1. Na verdade “saumensch” significa porco mas não no sentido de limpeza. Na Alemanha uma mulher ser chamada de porca é uma ofensa horrível, quase como “piranha/vaca” no Brasil.

    Obs.: adorei os textos, todos muito bem escritos 🙂

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s