Sacrifício nosso de cada dia

Deixar pra trás sua terra, sua família e seus amigos para tentar a vida num lugar completamente desconhecido. Abdicar de um amor em prol de outra prioridade, como, por exemplo, um intercâmbio. Adiar (ou desistir) de um objetivo por conta de acontecimentos urgentes. Sair do conforto de casa para ajudar alguém que precisa. O que significa sacrifício pra você?

imagens-pessoa-triste-b2eba7

 

No dicionário Michaelis, dentre vários significados, temos “Renúncia voluntária a um bem ou a um direito. /Ato de abnegação, inspirado por um veemente sentimento de amizade ou de amor. /Privação, voluntária ou involuntária, de uma coisa digna de apreço e estima. /Risco em que se põem os próprios interesses para interesse de alguém ou de alguma coisa.”  Se bem que nem todo mundo enxerga desta maneira, priorizando mais o que se perde do que o aprendizado no processo, o que, em minha humilde opinião, faz o sacrifício parecer maior e sem sentido, além de ser uma visão bastante egoísta. Vai que, de repente, você percebe que o que lhe fazia muita falta no começo nem era tão importante assim? Ou que a visitinha aos parentes algumas vezes no ano tem um sabor de reunião todo especial? Ou que aquele lugar desconhecido te abriu novas oportunidades e te completou com novos amigos? Tudo depende muito do ponto de vista. Afinal, tudo na nossa vida envolve um pouco de sacrifício.

E aí você me pergunta: “Thata, mas por que estamos falando sobre isso?” É que amanhã é sexta-feira da paixão. Uma data importante para quem segue os preceitos do cristianismo.

Cruz-de-Cristo1

O dia de amanhã para os cristãos é enigmático, não significa apenas o fim de um período de 40 dias de abdicações, mas aquele dia em que a renúncia geralmente é ainda maior. Uma lembrança daquele que sacrificou sua vida para salvar muitas outras. Por isso que em algumas famílias mais tradicionais não é permitido comer carne nesta data. Muitos seguem as procissões e passam o dia inteiro nas igrejas, lembrando do julgamento e morte de Jesus Cristo. Poucos ali se lembram que nossos caminhos demandam escolhas e que cada escolha exige um sacrifício.

Jesus renunciou a si próprio para salvar a todos dos pecados. Se isso é real ou invenção, não estou aqui para julgar isso. Mas acho que, em alguns momentos de nossas vidas, pequenos sacrifícios nos tornam melhores pessoas. E os ~sacrifícios~ do primeiro parágrafo, se você olhar bem, deixam de ser fardos se forem feitos com afinco e paixão.

Anúncios

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s