Hora Certa

Por: Jacqueline Tatiani Pereira

Todos os dias quando acordo, me pergunto se está na hora certa… Na hora certa de acordar, de sair correndo pelo atraso, de comer com tranquilidade, de ver o sol muito quente ou num tom mais suave, apresentando uma temperatura mais amena…

Criei um ciclo de horas certas quando comprei um relógio… Hora certa pra pegar ônibus, hora certa pra ir pro estagio, hora certa pra comer, hora certa pra estudar…

Aí um belo dia, me deparo com sentimentos que me tiram do ritmo, do meu mecanismo programado como algumas linhazinhas de pascal, controlando minhas atitudes… Me deparo com uma quebra nas minhas linhas de comando…

Descubro que já não é mais hora de manter-me em modo analógico e mecânico, mas de atualizar meu sistema para as novas experiências que estão por vir…

Era uma vez você…
E você, me fez entender o conceito real de HORA CERTA, a medida que as horas ao seu lado passavam…

Hora certa de te beijar, de sentir seu cheiro, de te ouvir pedindo carinho… Hora certa de ser feliz, de aprender com amor e respeito que… O tempo é curto demais quando se ama, longo demais quando se espera e que a hora certa de te ver sorrindo é toda hora, estando ao seu lado ou não… Pois seu rosto, sua mente brilhante, suas palavras não me escapam ao cortex nem um segundinho sequer.
A hora certa de se aproveitar a alvorada é as 6:40 da manhã, sentindo a brisa fresca e vendo o céu rosinha antecipando a chegada do Sol… Mas essa hora também é de te deixar quando necessário… Para que na hora certa, a saudade me coloque na brasa, aquecendo cada vez mais o sentimento que tenho por você…

Seremos inúmeras vezes nós, daqui pra frente, certas histórias que aparentemente começam na hora errada, já estavam na hora certa de acontecer nos desígnios de uma Força maior desconhecida pra alguns, intima pra outros…

A hora certa de permitir minha felicidade foi o momento em que meus olhos compreenderam a paixão dos seus…
Daquele em dia em diante, o tempo não mais importou…

 

 

image
Entusiasta da engenharia, do empreendedorismo, tecnologia, da cerveja, da putaria, do longboarding, das tatuagens, mas principalmente do bom senso…
Newbie no mundo da música e da PSN, colunista nas horas vagas, cago regras de vez em sempre, te faço rir, me amar e me odiar em menos de 24 horas, mas quem vai escolher com qual sentimento ficar é você :*

Anúncios

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s