Nos dias cinzentos

Ler escutando: Sutilmente – Skank 

Eu sou dessas pessoas emocionais, todas as minhas ações são regidas pelos sentimentos. Sou dessas pessoas que acordam com o dia cinza, nublado, sem motivo aparente nenhum… Fico brava, estressada num piscar de olhos… Talvez seja por ser alguém imatura e mimada. E por mais que tenha mais defeitos do que qualidades, no fim das contas eu só espero um colo e carinho, às vezes uma piada tosca que me faça esquecer do motivo fútil que causou meu bico.

Por esse motivo, quando em um dia de sol, o meu céu estiver encoberto de nuvens cinzas e pesadas me faça sorrir. Pode ser com um gesto simples, com aquela flor roubada do vizinho. Pequenas atitudes cheias de mimimi podem afastar as nuvens, por mais pesadas que estiverem e mesmo que chova, talvez um abraço apertado esquente o meu gélido coração.

Nos dias em que eu não esteja doce, me traga um doce daquele buteco da esquina, ou me leve para tomar um café cheio de confetes, ou faça brigadeiro de panela. Quem sabe ele não adoça esse ácido humor que gosta de queimar quem estiver por perto.

Quando eu não ver graça em nada, conte aquelas piadas sem noção, mas que só eu entendo, vou  dar risada, mesmo no fundo sabendo que são rídiculas. Ou coloque alguma comédia romântica besta, eu sei que aquelas histórias não são reais e nada daquilo aconteceria comigo, mas é gostoso poder ver algo divertido que no fundo enche nosso coração de esperança e diz que no final tudo vai dar certo. Isso ajuda aliviar os ombros, que nesses momentos estão pesados por conta do cansaço, que foi causado pela rotina enlouquecedora em que vivo.

bb

E se a chuva cair… Seque minhas lágrimas, me pegue no colo, me abraça… Me faça sentir que sou amada, que sou importante para ti. Um pouco de carinho pode mudar tudo. Para ser sincera, o meu lado grossa, estressada e chata aparece quando eu estou num dia assim, por isso preciso de cuidados, carinhos, mimos, sorrisos, doces, e emoções que mostrem que tudo pode ser diferente.

Agora se você se afasta num dia desses, a nuvens ficam mais pesadas, a chuva cai, deixando o ambiente cheio de trovões. O humor ácido domina, logo muito outro desses virão, pois volta a minha forma de defesa, me tranco no quarto e de lá não sairei e o meu lado doce sutilmente vai morrendo.

Anúncios

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s