A Dança

Mais uma lágrima escorria por aquele rosto, Shopie tentava ser forte nos últimos dias, mas as feridas em seu peito ainda eram recentes. Poderia passar o tempo inteiro fazendo qualquer coisa que fosse, mas no primeiro momento que tivesse livre seus pensamentos voltavam para o que tentava fugir.

Lá estava ela escondida em seu quarto mais uma vez, sem a mínima vontade para sair. Deitou na cama esperando pegar no sono rápido, mas se assustou com o barulho. Ao olhar em direção a porta da sacada viu seu amigo ali sorrindo como se nada houvesse acontecido. Era provável que ele não sabia ao certo o que havia ocorrido, mas alguém lhe avisara que ela não estava bem. Ele a puxou para fora do quarto.

large

Estavam na sacada, os dois amigos de longa data, sem dizer nenhuma palavra. Ele então sorriu mais uma vez e então ouviu-se:

-Lembra-se pequena, como você amava olhar as estrelas?

– Agora já não tenho mais tempo para essas maninas de menina…

-Sempre dá para encontrar um tempo para fazer aquilo que gosta…

-Mas não sei mais o que me faz feliz… Está difícil…

-Eu sei que está, e nem sempre é fácil, mas vai melhorar, sempre melhora…

Então abraçou a sua amiga que tremia. Colocou os braços dela em seu ombro e então começaram a dançar pela sacada. Não havia música, não havia nada, mas os dois dançavam lentamente. Ela sorria, e quando voltou para cama havia um sorriso que a dias não era visto naquele rosto.

Ele deu um beijo de leve na bochecha dela.

-Boa noite minha princesa.

-Boa noite e obrigada por aparecer sempre que preciso, e sem ser chamado.

Então a Shopie virou para o lado e não se lembrou de mais nada, pela primeira noite conseguiu dormir sem ficar virando de um lado para o outro.

Anúncios

2 comentários em “A Dança

  1. Eu achei a pagina por um texto no facebook, e depois disso me apaixonei por eles…. parabens pela sensibilidade…e pela coragem de escrever e externar, eu escrevo, mas nao consigo dividir …. fico só para mim…rsrs…
    Mas parabens e continuem com o bom trabalho!!!!!

    1. Como é gostoso saber que você gostou do nosso conteúdo! *-*
      Acredito que você poderia tentar dividir o que escreve, isso nos ajuda a ver que as pessoas também passam pelos mesmos “perrengues” que a gente. E nada mais gostoso pra quem escreve do que escutar/ler os leitores que também dividem sua experiência.
      Se não consegue colocar seu nome no texto, por medo, vergonha, insegurança ou qualquer motivo, crie pseudônimos, publique-os em anonimato. Aos poucos você vai vendo o como é gostoso dividir nossas crias.
      Se quiser, temos o espaço do leitor, destinado a nossos leitores que gostam de escrever, só enviar um e-mail para ninhodemafagafas@gmail.com.

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s