Vai meter o seu bedelho lá no…

Hoje vamos de sincerão, normalmente evito trazer o que me enfurece pro Ninho. Pois prefiro criar histórias. Porém tem horas que não dá, a gente tem que desabafar e por às vezes sentir-se sem ter com quem conversar, prefiro escrever pra tirar o peso. Então aqui vai o meu desafogo. Por que as pessoas simplesmente são incapazes de cuidar da própria vida? Será realmente que cuidam da vida do outro pois estão tão insatisfeitas com as suas próprias, estão sem ter o que fazer, são muito infelizes que possuem a necessidade de estragar a tranquilidade alheia?!

Alguém poderia explicar o que faz alguém que nem te conhece, não frequenta sua casa, nunca nem trocou um bom dia com você sair por ai falando asneiras?! Por que eu sinceramente não consigo achar um raciocínio lógico pra isso. Já que não existe razão para se falar do que não conhece, ou um assunto que não tem entendimento o suficiente. Afinal você sairia por ai falando sobre química orgânica, explicando a teoria do Big Bang? Não né?! Afinal você não tem mestria e muito menos deve saber do que se trata esses assuntos para poder falar alguma coisa a respeito.

A vida das pessoas é assim, por mais que você seja da família, ou amigo, ou vizinho jamais estará 24h por dia grudado no outro para compreender tudo o que se passa ali. Todas as experiências que a pessoa viveu, seus traumas, medos, sentimentos, pensamentos… Enfim, não há jeito de conhecer alguém 100%, então não tem como pensar pelo outro ou falar por ele.

Agora se você vê a pessoa duas ou menos vezes por ano, não conversa frequentemente com ela, também não sabe da rotina, ou do que acontece entre as quatro paredes da casa dela tem menos ainda gabarito para apontar o dedo, querer falar algo e vir cheia de pitacos e conselhos não é mesmo?! Guarde o que você acha ou acredita que sabe para você, será mais saudável para esta relação.

tumblr_mvszswAInT1sgguilo1_500

O problema é ainda mais sério no caso de alguém que nunca nem trocou uma palavra com você, só te vê entrando e saindo de casa, mas se acha no direito de sair por ai jogando merda no ventilador. Pois começa a passar informações extremamente equivocadas, das quais não tem conhecimento algum. Um tal de “achismo” da vida alheia, só porque pensou que viu algo, que no final não tinha nada a ver com a realidade. Qual o problema, “serumano”? Isso se posso te chamar assim, pois se fosse humano pelo menos pensaria, mas não pensou né?! Que tal começar a ver se tem louça suja na sua pia ao invés de pular pra fora da sua casa quando ouve o barulho do portão, parece um urubu rodeando carniça. Louco para pegar um furo de reportagem… Mas não pega nada, dai sai falando mentiras por ai, se achando o tal. Eita mente pequena… Sério, sinto dó de você.

Quero saber de verdade o que se passa na cabeça de pessoas assim, se está faltando o que fazer é só procurar. Não faltam cursos ai para aprender algo novo, não faltam livros para se ler, filmes para assistir, filhos para criar. Agora se o problema é emocional e está mal e acredita que por isso deva estragar a vida alheia, aqui vai uma dica bem importante, pegue um caderninho e anote, mas não esqueça de praticar: PROCURE AJUDA! Vá atrás de um psicólogo, psiquiatra e se precisar por favor tome as medicações corretamente. Mas não faça mal para o outro apenas para satisfazer-se. Sinceramente você também não gostaria se alguém fizesse isso com você. Que tal praticar aquele velho “não faça ao próximo o que não quer que façam com você.” Bom e se o seu caso é gostar mesmo de drama, vá ver novela mexicana ou pare para tentar compreender a atual situação politica do Brasil, tá mais emocionante do que seriados escritos pela Shonda Rhimes. Sem falar que você vai poder se pagar no facebook, ou por ai, de crítico político. Vai pegar melhor e vai causar ainda mais do que meter o bedelho na vida alheia.

Anúncios

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s