A um bruxo [e um gauche]com amor

Bom, sempre que posso conto uma que outra “histórinha” que está por trás dos poemas… (acho que é coisa de profe)

Eis a do poema de hoje…

Machado de Assis, um dos (se não o) maior(es) escritores brasileiros de todos os tempos, era conhecido como o “Bruxo do Cosme Velho”, mesmo não tendo uma origem certa, ela ganha força justamente quando Carlos Drummond de Andrade (o gauche <3) escreve o poema “A um bruxo com amor”, contido no livro “A vida passada a limpo”.

É uma referência à casa – número 18 – da Rua Cosme Velho, situada no bairro homônimo do Rio de Janeiro, onde morou o escritor Machado de Assis.

Decidi homenagear os dois… com esse poema… e a terceira pessoa que aparece ali…  o sujeito simples… é uma referência ao professor Ildo Carbonera, que foi meu professor na graduação de Letras. Maaaas, se reparar bem, tem outra referência… a um escritor que é tido como mago… ou bruxo… e que na época em que foi escrito, foi na efervescência de sua eleição para ABL… acho que dá pra entender quem é, não é? hehehe

 

 

 

A um bruxo [e um gauche] com amor 

Você disse que alguns leram da vida um capítulo

E que o Bruxo leu o livro todo

E eu me pergunto:

E aquela pedra?

Ela parou na porta da ABL,

E você nem entrou…

O que pensaria o Bruxo disso,

Que você é um imortal sem fardão?

Alguns que lá repousam,

Nem um capítulo leram

E outros talvez lessem e não entendessem

Agora por lá, existe outro

Que chamam bruxo

E eu me pergunto:

O que pensaria você, gauche disso?

Conheço um poeta,

Como disse um amigo

Um homem simples,

Que tem algo do Bruxo

E dizem que ele lembra um pouco o bruxo

Ele me fez refletir

Se bem que com métodos nada convencionais,

A diferença de bruxos e Bruxos

E daqueles que como os sapos gritam

Não Foi! Foi! Não Foi!

Pé ante pé, estou chegando lá

Percebendo qual é o enigma [Claro!]

Já que você me deixou uma pista,

Hoje sei que o Bruxo resolveu em você muitas delas.

É ele quem deu volta à chave?

[Agora com crase]

Mas a capa não é do Verne?

Isso me lembra o verme que ganhou dedicatória…

Saiu pela janela? Qual delas?

Itabirano, gauche, você também é Bruxo!

 

Anúncios

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s