Uma Carta Para Todos os Quase Amores

Oi como você esta?Lembra de mim? Um dia fui alguém importante na sua vida e hoje sou aquela pessoa que você reluta em lembrar e se me ver na rua finge que não viu.
Sim, sou essa mesmo que você proibiu os amigos de falarem comigo ou citarem meu nome.

Você parece não me suportar, mas sabe, de alguma forma sinto saudades, afinal fostes uma parte importante por um período da minha vida e quando isso acontece, mesmo com todas as decepções e lágrimas derramadas… depois de um tempo ainda fica um carinho guardado pelos momentos bons sabe… Ainda mais se havia aquele companheirismo, a confiança a parceria e aquela coisa de poder acabar o mundo que sabia que você estaria presente em minha vida, mesmo que no final não passasse de amizade.

Bom isso também pode ser para aqueles que conheci por pouco tempo mas que de certa maneira também marcaram minha vida de alguma forma. Ou para aqueles que estão me conhecendo aos poucos, porém já conseguem mexer o suficiente para eu sentir que haverá algo legal…

image

Só queria mesmo dizer que o maior problema de todos vocês quases amores é que eu sou mulher. E mulher é um bicho complicado. Precisa de carinho, amor, mimos, colo, dengos, chocolate… E se não bastasse isso ainda quer tudo e nada ao mesmo tempo, tem momentos que diz não querendo dizer sim e o inverso também acontece. Não preciso nem mencionar sobre a TPM, ou o quando brigam com a melhor amiga ou melhor amigo né? E tudo isso piora se for uma leonina com ascendentes em peixes.

Sabe, sei lá… Só to aqui querendo desabafar e dizer apenas que eu sou mulher… É isso, quero ser tratada como mulher. Sou criança em algumas partes do tempo, mas sou mulher porra!

Não sou dessas garotinhas que se conhece por ai e se apaixonam por vocês no primeiro beijo, nem daquelas que vão para a sua cama na primeira noite. Não sou daquelas que fingem ser quem não são pra conquistar e depois mudam ou ficam se chateando para sempre agradar. Não sou daquelas que precisam de vocês pra sobreviver, mas seria bom sentir que poderia ser assim.

Me tratem como mulher! Me deem flores quando eu menos espero, me peguem no colo pra me irritar, me surpreendam, me mandem cartas, me mandem recados, me liguem quando eu menos esperar. Passe no meu trabalho só pra dizer um oi. E por favor não me trate como qualquer uma, não me menospreze.

Repito, não sou essas menininhas por ai e to cansada desse lenga lenga!

Pronto, tá ai, explicado novamente o porque ficaram no quase, o erro é meu, por deixar acreditarem que eu era dessas, por deixar que me tratassem assim. Mas admito que não foi só meu, foi de vocês também que não percebiam pelo meu olhar, pelos meus gestos e pelos meus pitis que não era assim.

image

Pra finalizar, acredito sim que toda mulher deve ser quem quiser ser, deve ser livre pra fazer suas escolhas…. Porém esta é a minha escolha e espero que todos me respeitem por isso.

Obrigada,

A última das românticas

Anúncios

Um comentário em “Uma Carta Para Todos os Quase Amores

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s