Poesia vs Teoria

Todo mundo tem aquela “tia” seja a tia do pavê, a tia dos namoradinhos, a tia velha (ou com alma de velha), além das tias que nem são tias (nem pagam nossas contas oeee)… As tias em questão são aquelas que “tão lááá” com o estilingue delas mirando os passarinhos… mas, passarinhos sempre vencem no final (ou não)… lembrei daquela música do Emicida, passarinhos… e aquele láia láia láia… que eu escuto uma vez e fica pra sempre… Hoje tem a participação dessa amiga mega especial pra mim, Debora Klering ❤

 

 

Poesia vs Teoria

Poesia e teoria não combinam!

A teoria é um estilingue ou uma pedra?

As tias miram nos passarinhos

E eu, para defendê-los

Estou em frangalhos

Alguém aí, por favor, quebra meu galho?

Claro que as teorias matam os passarinhos,

Eles querem liberdade

Poder voar com tranquilidade,

Perder-se nas janelas,

Mas se derem com elas fechadas?

As teorias podem abrir portas,

Mas fecham janelas,

Deixam um ardor no peito,

E a cabeça cheia,

Cheia de ideias

Ideias alheias?

Os passarinhos tentam me defender

E eu sinceramente não sei mais o que fazer

Com as tias e suas teorias

Tudo isso para uma prova?

Tudo isso para não ficar de exame?

Tudo para não ficar para trás?

E ver os amigos partindo

E eu mais um ano naquele lugar

Para isso tenho que me matar de estudar?

 

 

 

Anúncios

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s