Ninguém é bonzinho o tempo todo. Ninguém é sensato o tempo todo e principalmente: ninguém segura a língua o tempo todo. Acredite, no fundo cada um sabe o veneno que tem. No fundo cada um sabe como magoar ou alegrar alguém. A perspicácia de um indivíduo vai além daquilo que nossos olham enxergam. Malandramente somos capazes de “vender” algo que no fundo não somos.

A gente não para pra pensar (ou fingimos que não entendemos), mas grande parte da responsabilidade pelo modo como as pessoas nos tratam, refere-se exatamente ao que temos feito com elas. Quase sempre pagamos na mesma moeda. (Salvo exceções de pessoas que realmente vivem suas próprias vidas, e que mesmo quando alguém lhe trata com grosseria, consegue com maestria e delicadeza ser superior à situação).

Tudo aquilo que sai de nossas bocas gera algum resultado ou consequência. Ao dizer algo podemos pronunciar “venenos”. Todo cuidado é pouco. Tem gente até que espera o momento ideal para proferir o tal veneno, afinal sair por baixo não é o objetivo. Com isso afastamos pessoas, afastamos amigos, afastamos as boas oportunidades.

Tenho impressão que há gente com veneno demais! Poxa vida! Tanta coisa para aproveitar, se preocupar, descobrir – e simplesmente passam os dias tramitando qual será a próxima “vítima” do veneno. Pessoas assim, nem se dão conta que o próprio veneno corrói, que o próprio veneno amarga, que o próprio veneno a diminui, que o próprio veneno a excluí!

Mas daí tu deve estar pensando: Se cada um sabe o veneno que tem, porque não dá jeito nisso? Simples. Porque muitas pessoas tem a necessidade em ser assim. É como se atingir a vida do próximo, seja com fofocas, mal olhado, cobiça, seja sua meta de vida. Dificilmente aceita que o outro esteja melhor que si mesmo. E cada vez mais estimula a criação do veneno interior para que na hora certa possa usá-lo.

Mais olhe, tenho uma boa notícia. Por mais que visivelmente estejamos rodeados de pessoas assim, ainda somos autores das nossas histórias. Não importa a quantidade de veneno que respigar sobre você, saiba que quanto maior for a dose maior será sua vitória também, até porque no final das contas as suas conquistas nunca dependerão dos outros… Elas sempre dependerão de você! Veneno que vem é veneno que volta, relaxe.

cobra

Anúncios

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s