Quando decidimos morar sozinha, muitas questões se abrem e ficamos com aquele pé atrás. Pensamos como será que a minha vida vai dar certo longe dos meus pais. E se eu passar fome? Como vai ser?

decoracao-de-casa

Quando decidi que estava na hora de partir, não foi por uma decisão que eu já havia pensado. Muitos fatores envolveram na decisão final, brigas familiares que estavam consumindo com a auto estima e alegria, e quando se trata de nossas vidas, sempre devemos pensar no que nos faz feliz.

E confesso, foi a melhor coisa que já me aconteceu na vida!

Não porque eu “não amava” minha família, mas sair de casa e ter a responsabilidade de criar as minhas coisas, foram o que definiram essa transição. Talvez eu tive um pouco de sorte, pois sempre tive pessoas que me apoiam e apoiaram e que deram todo o suporte emocional que eu precisava.

As coisas melhoraram, minha convivência familiar, olha só, melhorou, hauahua. É tão bom chegar em casa e ver que tenho a minha paz, que tenho minhas gordices para comer, e que, pasmem, tenho também muuuuita limpeza pela frente. Infelizmente ainda não achei um método de deixar a casa limpa por uma semana. Ah, e nem sempre é tudo festa, não pense que morar sozinha é um eterno “American Pie”, na maioria das vezes você fará as suas festinhas de maneira mais tranquila, quando você vai ter certeza de quem são seus amigos de verdade.

morar-sozinho

Perrengues, eles existem é claro, mas quando você passa a se virar sozinha é preciso tomar algumas medidas de precaução. Cuidar dos gastos, avaliar de fato o que é necessário, fazer uma reserva de dinheiro, pois sim você vai precisar muito. E principalmente, manter a calma.

Já me senti sozinha muitas vezes, ao ponto de chorar no chuveiro. Já acordei na madrugada e não escutei absolutamente nada, e me senti acuada, com medo de que algo ruim fosse acontecer. Já pensei que ninguém me amava por eu estar ali, sozinha. Mas isso são fases que sempre irão passar, e você, sendo mulher, acaba sentindo isso um pouco a mais (maldita TPM).

tumblr_l874s8F4KB1qzyunso1_500_large

Mas o que vale a pena é você perceber que cresceu. Agora você está criando a sua família, agora você pode ter um bichinho (no meu caso uma gata linda Nala), que é seu filho, e trabalhar para um bem maior é algo gratificante. Não estou mais sozinha, e as coisas que eu faço, além de serem para eu, são para um serzinho que está me esperando feliz todos os dias depois do trabalho.

Há momentos difíceis, mas quando você passa a ter responsabilidades, e provar para si mesma que sim, você consegue, é algo que sensação nenhuma vai pagar. Sinto muitas saudades da casa dos meus pais, das histórias que eu vivi lá, dos romances que chorei na minha antiga cama de solteiro, mas nada vale mais a pena do que a história que eu estou criando para eu mesma.

Se você está pensando em morar só, digo que vale a pena, mas trace alguns caminhos para que você possa aguentar de maneira tranquila, nem sempre é fácil, mas é a melhor coisa que você fará na sua vida. E digo mais, estar sozinha é a coisa mais incrível na vida, não tenha medo, você irá descobrir coisas incríveis sobre si mesmo, coisas que você vai se admirar e no futuro também dirá que tudo valeu a pena.

tumblr_inline_mo6tqdMjJV1qz4rgp

Anúncios

Obrigada por comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s