Memórias de coisas que nunca aconteceram…

Champanhe em Paris. Praias do Nordeste. Manobras de skate. Chocolate quente em montanhas nevadas. Asa delta. Bungee jump. Tirolesa. Esmalterias em Nova York. Rally. Monster truck. São Paulo Fashion Week. Rainbow hair. Buenos Aires. Correr de moto. Poços de Caldas. Festival de música eletrônica. Irlanda. Estabilidade financeira. Tour internacional. Show do Queen. Circo de Soleil. … Continue lendo Memórias de coisas que nunca aconteceram…

Como o Bullet Journal está me ajudando e poderá te ajudar também

New year, new me. Todo ano a gente fala isso, né não? E mais: Enchemos nossos corações de promessas e metas (que geralmente a gente esquece no meio do caminho e repete tudo no ano seguinte), algumas modestas, outras tangíveis e muitas bem ambiciosas, mas chega dezembro e descobrimos que vários desses objetivos nós abandonamos … Continue lendo Como o Bullet Journal está me ajudando e poderá te ajudar também

O novo ano espera que sejamos melhores

Um ano. Não foi daqueles com bons adjetivos para citar, foi  mais um nessa breve história que temos.  Cada ano traz aprendizados e experiências, cabe à reflexão do que é importante e necessário, é esse processo que denominamos como amadurecimento. É importante criar metas ou listas, como um aviso do que desejamos, já que nossa cabeça … Continue lendo O novo ano espera que sejamos melhores

O que você espera de um tal de 2017?

Hoje é a primeira segunda-feira de 2017 e quantas oportunidades podem estar ao nosso lado e nem percebemos. Todo final e início de ano vemos diversas reflexões e desejos de que o futuro seja diferente. Mas será que realmente trabalhamos para que tudo aquilo que esperamos aconteça? Então propus as Mafagafas a contarem quais eram … Continue lendo O que você espera de um tal de 2017?

Recomeçar

É meus caros leitores, mais um ano que chega ao fim. Como dizem: se você não chorou, não perdeu o emprego, não terminou relacionamentos, você não viveu 2016. Muita coisa aconteceu nesse ano, não só no mundo, mas cada um de nós viveu sua própria história durante esses 365 dias. Por conta disso, esse texto … Continue lendo Recomeçar