Baunilha

A prateleira de condimentos. Você está parado em frente a prateleira de condimentos segurando essência de baunilha. Baunilha, era o cheiro do cabelo dela. As memórias estão saltando das profundezas dos seus pensamentos. Lembranças da suavidade dos fios que nunca davam nós, o cheiro de baunilha no travesseiro, as longas cascatas suaves, adocicadas e negras, … Continue lendo Baunilha

Anúncios

Querido amigo,

Tudo bem? Já faz um tempo que não te escrevo... Algum tempo desde aquela última carta que te escrevi.  Faz muito tempo que não tenho notícias suas. Devo admitir que fiquei muito feliz quando você respondeu aquela carta. Ainda mais feliz um tempo depois que você mandou um beijo por um amigo em comum. Adorei … Continue lendo Querido amigo,

Um milagre de natal

E lá estávamos, nós três, diante da árvore. Abrimos nossos presentes e rimos das músicas de Natal. Menos a Nala, afinal as únicas palavras dela são “não” num miado único dela. Enfim criamos nossa família, agora entendemos o significado disso, familiares de sangue longe, mas temos um ao outro. É como um milagre de natal, … Continue lendo Um milagre de natal

Memórias de coisas que nunca aconteceram…

Champanhe em Paris. Praias do Nordeste. Manobras de skate. Chocolate quente em montanhas nevadas. Asa delta. Bungee jump. Tirolesa. Esmalterias em Nova York. Rally. Monster truck. São Paulo Fashion Week. Rainbow hair. Buenos Aires. Correr de moto. Poços de Caldas. Festival de música eletrônica. Irlanda. Estabilidade financeira. Tour internacional. Show do Queen. Circo de Soleil. … Continue lendo Memórias de coisas que nunca aconteceram…

Confissão do incerto

Algumas coisas estão acontecendo e sinto como se não soubesse ou se não fizesse parte delas. É uma coisa muito estranha, ainda mais com essa sensação que não passa por nada, começa com um aperto no peito, um arrepio gélido subindo pela espinha, uma voz dizendo algo que não sei definir. As lágrimas pedem para … Continue lendo Confissão do incerto