Workaholic, pé no freio!

Workaholic? Oi? Não sabe se tu és? Então deixa que eu te ajudo a responder isso. Workaholic é aquela pessoa viciaaaaaaada em trabalha. Sabe como é, né, que não desliga dos assuntos do trabalho mesmo em casa, entre amigos e até uma festa o.O sim, o workaholic não só pensa muito no trabalho, como fala … Continue lendo Workaholic, pé no freio!

Anúncios

Como o Bullet Journal está me ajudando e poderá te ajudar também

New year, new me. Todo ano a gente fala isso, né não? E mais: Enchemos nossos corações de promessas e metas (que geralmente a gente esquece no meio do caminho e repete tudo no ano seguinte), algumas modestas, outras tangíveis e muitas bem ambiciosas, mas chega dezembro e descobrimos que vários desses objetivos nós abandonamos … Continue lendo Como o Bullet Journal está me ajudando e poderá te ajudar também

Recomeçar

É meus caros leitores, mais um ano que chega ao fim. Como dizem: se você não chorou, não perdeu o emprego, não terminou relacionamentos, você não viveu 2016. Muita coisa aconteceu nesse ano, não só no mundo, mas cada um de nós viveu sua própria história durante esses 365 dias. Por conta disso, esse texto … Continue lendo Recomeçar

Não prove nada para ninguém

Me formei em jornalismo há 2 anos. E desde o tempo da faculdade prometi a mim mesma que jamais pararia de atuar na profissão. Como sempre fiz estágio, desde o primeiro período da faculdade, fui criando uma responsabilidade muito grande e um compromisso profissional que não poderia deixar “apagar”. Consegui cumprir isso até me formar. … Continue lendo Não prove nada para ninguém

Por mais histórias que valem ser contadas!

Muitas vezes me sinto verdadeiramente abençoada e sortuda por ser jornalista, principalmente quando estou trabalhando na área. Tenho a sorte de dentro do meu trabalho poder contar histórias, algumas que inspiram quem as lê. São pessoas especiais que conheço no meu trabalho, como uma adolescente cheia de sonhos, com um astral super alto, daquelas que … Continue lendo Por mais histórias que valem ser contadas!